sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Mortalha da Tristeza

 

triste

Onde está

O teu sorriso

Ó Anjo exilado

De coração triste

Desarmado…

Porque queres o bem a tudo

A toda a gente…

Andas a Amar assim

Perdidamente

A acalentar o mundo

Nos teus braços

Sem que no teu caminho

Uma saudade

Abra em flores

A sombra dos teus passos…

Deixa de cantar a tristeza

Em termos

Tão ternos e saudosos

Deixa os alegres invejosos

Chorar o mal

Que não lhes pesa…

meu anjinho

1 comentário:

DanielaF' disse...

talvez dos textos que já me emocionou mais , gostei bastante , lindos poemas :D

MEU MUNDO MARAVILHOSO: