sábado, 30 de outubro de 2010

O Amor também destrói…

 

 

lagrimas

 

O Amor se foi

Partiu

Levando da minha vida

A felicidade

Tirando do meu rosto o sorriso

Arrancando do meu corpo

O coração

Esse a quem eu me entregára

E era meu

E que foi um sonho e realidade

Gestos, doçura e piedade

Beijos, sonhos, ansiedade

Hoje,

Veste a minha alma de saudade

Deixando

Caminhos esquecidos

Sonhos destruidos

Frases ditas

Sonetos rasgados

Poesias escritas

Momentos

Fotos esquecidas

Lugares

Solidão

As incertezas

Desnorteando

A direção

O Amor desapareceu

Sentimento

Que eu julgava profundo

Na minha vida

Deixou

Um estranho mal

No coração ficou

Uma dolurosa ferida

 

flor2

3 comentários:

Anónimo disse...

Lindo poema maravilhoso mesmo!!!

E a musica do blog e fantastica

voltarei para ler os outros poemas

bjus

Anónimo disse...

adorei seu poema maravilhoso bjs.

cheiro icaraima disse...

http://cheiroicaraima.blogspot.com.br/
fas bem pra vida

MEU MUNDO MARAVILHOSO: